CARTA AO MINISTRO KASSAB

Brasil, 31 de outubro de 2016.

Exmo. Sr. Ministro Gilberto Kassab.

D.D. Ministro de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

Brasília – DF

 

Exmo. Sr. Ministro Gilberto Kassab,

O Fórum de Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas, organização que reúne 51 instituições de representação das comunidades científicas de diversas áreas do conhecimento, vem por meio desta protestar veementemente contra a reforma do MCTIC que aloca o CNPq e a FINEP numa obscura Coordenação Geral de Serviços Postais e de Governança e Acompanhamento de Empresas Estatais e Entidades Vinculadas.

Como o é de seu conhecimento, o CNPq e a FINEP ocupam lugares singulares no Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, lugares esses que lhes são devidos não apenas pelas suas histórias de contribuição à edificação desse mesmo sistema, mas nas atuações absolutamente imprescindíveis que têm, hoje, na manutenção e no funcionamento das estruturas de pesquisa disseminadas por todo o território nacional. Acrescente-se a isso o fato de que uma diminuição da produção científica e tecnológica colocaria o Brasil em forte desvantagem face a outros países que, por reconhecerem o valor estratégico da ciência e da tecnologia para o desenvolvimento social e econômico sustentável, atribuem-lhes papel de destaque institucional, com crescente investimento público e privado.

Temos a convicção de que a reforma do MCTIC, proposta pelo governo de que V. Exa. participa, em nada contribuirá para o avanço das políticas e das atividades de C&TI no país. Ao contrário, resultará num retrocesso devido não apenas à subalternização do CNPq e da FINEP a estruturas alheias aos interesses e necessidades da área, mas também por reunir numa mesma Coordenação órgãos com finalidades muito diversas.

Além de não dar ao CNPq e a FINEP maior eficiência para o cumprimento às suas finalidades e de colocar em risco um patrimônio arduamente construído pelo povo brasileiro e pela comunidade científica, a reforma coloca sérios obstáculos para que o Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação possa continuar e aumentar sua contribuição ao desenvolvimento nacional.

Por essas razões, defendemos a manutenção do status institucional do CNPq e da FINEP — de cuja existência e autonomia dentro do MCTIC dependem o futuro imediato, se não longevo, da pesquisa brasileira — e instamos o Senhor Ministro a atuar nessa direção junto ao Governo de que participa.

 

 

Assinam:

 

  1. ABA – Associação Brasileira de Antropologia
  2. ABClima – Associação Brasileira de Climatologia
  3. ABCP – Associação Brasileira de Ciência Política
  4. ABEC – Associação Brasileira de Editores Científicos
  5. ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância
  6. ABEP – Associação Brasileira de Estudos Populacionais
  7. ABEPSS – Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social
  8. ABERGO – Associação Brasileira de Ergonomia
  9. ABJC – Associação Brasileira de Jornalismo Científico
  10. ABPD – Associação Brasileira de Psicologia do Desenvolvimento
  11. ABPEE – Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial
  12. ABPMC – Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental
  13. ABRALIN – Associação Brasileira de Linguística
  14. ABRAPCORP – Associação Brasileira de Pesquisadores de Comunicação Organizacional e de Relações Públicas
  15. ABRAPEC – Associação Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências
  16. ABRAPEE – Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional
  17. ABRAPSO  – Associação Brasileira de Psicologia Social
  18. ABRI – Associação Brasileira de Relações Internacionais
  19. ANPOF – Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia
  20. ANCIB – Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação
  21. ANPARQ – Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo
  22. ANPEC – Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia
  23. ANPED – Associação Nacional de Pesquisa e Pós Graduação em Educação
  24. ANPEPP – Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Psicologia
  25. ANPOCS – Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais
  26. ANPOLL – Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Letras e Linguística
  27. ANPUH – Associação Nacional de História
  28. ANPUR – Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional
  29. ANPTUR – Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Turismo
  30. CESA – Sociedade Científica de Estudos da Arte
  31. CNS – Conselho Nacional de Saúde
  32. COMPOS – Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação
  33. CONPEDI – Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Direito
  34. ESOCITE – Associação Brasileira de Estudos Sociais das Ciências e das Tecnologias
  35. FEBRAPSI –Federação Brasileira de Psicanálise
  36. INTERCOM – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação
  37. SAB – Sociedade Brasileira de Arqueologia
  38. SBEC – Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos
  39. SBEM – Sociedade Brasileira de Educação Matemática
  40. SBEnBio – Associação Brasileira de Ensino de Biologia
  41. SBHC – Sociedade Brasileira de História da Ciência
  42. SBHE – Sociedade Brasileira de História da Educação
  43. SBP – Sociedade Brasileira de Psicologia
  44. SBHP – Sociedade Brasileira de História da Psicologia
  45. SBPHA –Sociedade Brasileira de Filosofia Analítica
  46. SBPOT – Associação Brasileira de Psicologia Organizacional e do Trabalho
  47. SBPJor – Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo
  48. SBS – Sociedade Brasileira de Sociologia
  49. SOCICOM – Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação
  50. UGB – União da Geomorfologia Brasileira
  51. ULEPICC – União Latina de Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous article

NOTA DE PESAR

Next article

Terceira Circular do XI ENPEC